Sabemos que é praticamente impossível viver desconectado do mundo digital. Atualmente os smartphones, computadores e outros dispositivos nos ajudam e facilitam muito a realização de algumas tarefas. Quem não gosta de ter a praticidade de resolver qualquer coisa com apenas um clique? Mas além dos benefícios, esses aparelhos podem esconder grandes perigos.

Muitas vezes utilizamos a tecnologia de forma descuidada, ficamos expostos a ameaças e o pior é que nem fazemos ideia disso. Aqui listaremos os principais perigos, acompanhe:

Violação de senhas

A quebra de senha é um tipo antigo e muito conhecido de ataque. Os criminosos se utilizam de diversas ferramentas para conseguir as senhas de e-mails, dispositivos e aplicativos. Com elas em mãos, eles conseguem acessar praticamente qualquer coisa.

Por esse motivo, é importante que as pessoas escolham senhas que sejam fáceis de lembrar, mas difíceis de descobrir por terceiros. Outra dica é não repetir a mesma senha em diferentes aplicativos, misturar letras e números na mesma combinação.

Roubo de informações

Como o nome já sugere, essa prática é feita com o intuito de obter dados, arquivos confidenciais e dezenas de outras coisas. Na maioria das vezes a ação é feita com o objetivo de prejudicar a vítima, expondo o que foi furtado. Você provavelmente deve se lembrar de algum caso envolvendo celebridades, que tiveram fotos íntimas vazadas na internet, após ter sido roubadas de seus dispositivos por hackers.

Phishing

O Phishing também é um dos golpes mais antigos que existe e significa “pescar”. Essa ação se caracteriza pelo roubo de identidade, ou seja, o hacker se faz passar por alguém e utiliza de ferramentas e e-mails maliciosos para literalmente pescar a vítima. Tudo acontece quando a pessoa abre um e-mail ou mensagem corrompida e a partir desse momento, suas informações ficam expostas para o cibercriminoso.

Para se proteger desse tipo de ataque é muito importante desconfiar de mensagens e e-mails com links suspeitos e com propostas absurdas. Não preencha seus dados pessoais antes de ter certeza de onde eles serão utilizados.

Ransomware

Ransomware é um malware nocivo que funciona como um tipo de terrorismo virtual. Ele infecta o dispositivo e bloqueia todas as informações, de forma que a pessoa não consegue ter acesso a absolutamente nada do sistema. O intuito dos hackers por trás desse tipo de ataque, é sequestrar os dados e pedir um resgate em dinheiro para que eles sejam devolvidos.

Nesse caso, os principais alvos são as empresas e o vírus pode estar em qualquer lugar. Links suspeitos, páginas maliciosas e e-mails podem ser uma porta de entrada para o Ransomware.

Ataque DDoS

Diferente de outros tipos de ataques cibernéticos, o DDoS possui a finalidade de esgotar a capacidade do sistema. Conhecido como um ataque de negação distribuída de serviço, ele faz com que o sistema fique indisponível para os usuários.

Um único computador é capaz de controlar todos os outros, com o intuito de causar sobrecarga. Com isso, os servidores do site não suportam a pressão, ficam lentos e na maioria das vezes, saem do ar.

Já conhecia algum desses perigos? Fique por dentro do que acontece no mundo da tecnologia!